03/08/2022
Atualizada: 03/08/2022 16:39:34


Uma comitiva da Associação dos Docentes da Universidade Federal de Alagoas (Adufal) participou da programação da Jornada de Lutas, em Brasília, nesta quarta-feira, 3 de agosto, em defesa dos serviços públicos, da democracia, da educação pública e contra os ataques desferidos pelo governo federal.

Pela manhã, foi realizado um ato público no Congresso Nacional e em seguida ocorreu uma audiência pública no Plenário 16 da Câmara dos Deputados, para discutir as pautas de reivindicações do Fórum das Entidades Nacionais dos Servidores Públicos Federais (Fonasefe).

Já no horário da tarde, os servidores estiveram em frente ao Supremo Tribunal Federal (STF) para, além de defender os Serviços Públicos e a democracia, reforçar a importância da realização das eleições no país, sem violência política.

Na ocasião, o presidente da Adufal, Jailton Lira, falou sobre a importância da mobilização popular. “Temos que garantir que as eleições aconteçam normalmente, fortalecendo a democracia e elegendo representações que defendam a classe trabalhadora. Portanto, é importante manter a unidade coletiva e a mobilização para pressionar os poderes públicos na garantia dos direitos à população e pela construção de um país mais justo e solidário”.

Representando a base docente da Adufal, estiveram presentes nas atividades o presidente da entidade, Jailton Lira, a Tesoureira, Rosangela Reis, o diretor suplente de Política Sindical, Ailton Galvão, a diretora de Política Educacional e Científica, Terezinha Ataide, e a diretora suplente de Política Cultural, Marta de Moura.

A Jornada de Lutas do Fonasefe foi convocada pelo Andes-SN por meio da Circular nº 270/2022, para as seções sindicais.

Fonte: Karina Dantas/Ascom Adufal

2022

Adufal - Associação dos Docentes da Universidade Federal de Alagoas

Acesso Webmail